Notícias

25/05/2017

Sul do Estado participa de manifestação em Brasília

O movimento Ocupa Brasília liderado por movimentos sindicais e socais realizado nesta quarta-feira na capital federal ocorreu com muito tumulto e confronto entre Polícia Militar e manifestantes. O clima ficou ainda pior quando o ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), declarou que o presidente Michel Temer determinou, a pedido do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), uma ação de Garantia da Lei e da Ordem, que permite a convocação de tropas do Exército e da Força Nacional para atuação na segurança pública. Da região Sul, estiveram presentes na capital federal em torno de 600 pessoas. Na última segunda-feira, se deslocaram 16 ônibus para Brasília, nove da região de Criciúma, quatro de Tubarão e três de Araranguá. De acordo com um dos representantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT) na região Sul, Célio Elias, que classificou o clima em Brasília como tenso, o movimento, além de ser contrário as reformas da previdência e trabalhista, pediu a saída do presidente do governo e eleições diretas. “O clima foi muito tenso com a PM e, em seguida, com o exército, mas o povo resistiu e enfrentou a PM mesmo assim. Agora, as centrais sindicais vão se reunir e deliberar novos encaminhamentos até derrubarmos este governo corrupto e que eleições diretas sejam realizadas. O povo realmente tem que estar na rua e a corrupção não pode continuar nesse país”, comenta Elias. O grupo de Criciúma retornou à região Sul ainda na noite dessa quarta-feira. O ato desta quarta-feira foi potencializado após mais uma forte instabilidade política ser deflagrada na semana passada pelas delações dos executivos da JBS envolvendo diretamente o presidente da República. O movimento ocorreu também pelo fato das reformas estruturais propostas pelo Governo Federal estarem em discussão na ordem do dia na Câmara dos Deputados. Fonte: Portal Engeplus

Mais Notícias

© SINTIACR. Todos os direitos reservados.

Rua João Pessoa, 445 - Edifício Uno - 88801-530 - Criciúma/SCC

Fone: (48) 3433-9002

sintiacr_forquilhinha@hotmail.com